O município de Fernandópolis é uma das cidades que lutava para conseguir o cadastro para ser beneficiada com recursos anuais que podem ultrapassar R$ 500 mil reais, provindos da Secretaria e do Ministério do Turismo em programas e projetos ligados ao turismo, cultura e lazer.

De iniciativa do Governo de São Paulo, o MIT permite a inclusão de até 140 municípios paulistas. Para ser aceito os municípios precisam preencher alguns critérios como criar um Conselho Municipal de Turismo, demonstrar potencial turístico real, serviço médico emergencial, infraestrutura básica, Plano Diretor de Turismo e expressivos atrativos turísticos, mesmo que desativados ou que possam a vir se tornar.

O processo para Fernandópolis se tornar Município de Interesse Turístico se deu através de indicação do deputado estadual Gilmar Gimenes (PSDB)."A maior alegria é ver a justiça sendo feita com o nosso município, que tem imenso potencial turístico e, com os recursos que a cidade passará a receber por estar enquadrada nesta nova situação, poderá expandir muito mais, fomentando o turismo local e regional”, disse o deputado. Gimenes, também fez questão de ressaltar a sensibilidade do governo estadual ao possibilitar essa classificação aos municípios. “Esta é uma caminhada lado a lado entre os deputados estaduais e o governo que, ao término, resulta no melhor desempenho da vocação turística dessas cidades com grande impulso em suas atividades socioeconômicas”, reiterou.

Recomendadas para você